Agricultura

Atualmente Pinto Bandeira possui 723 produtores rurais – com talão do trabalhador rural – que atuam no setor primário, que é de grande importância pela diversidade de sua produção e volume de arrecadação. Para tanto, foram criadas leis de incentivo como a que regulamentou o uso de horas/máquinas pelos agricultores, que pagam 20% do valor do serviço ou 40% – no caso do uso de máquinas terceirizadas.

Também foram implantados programas que proporcionam benefícios a população rural, através de parcerias com a Emater e SENAR, visando oferecer ao produtor conhecimento e tecnologia para desenvolver a sua propriedade, por meio da qualificação da gestão e dos equipamentos.

Pinto Bandeira, também dispõe de um corpo técnico a serviço dos produtores, para orientar e difundir novas técnicas para aprimorar a produção, a agrícola do município, além disso presta auxilio:

- A participação das agroindústrias em feiras no Estado;

- Atendimento veterinário;

- Programa de Vacinação para Controle da raiva dos herbívoros e brucelose;

- Boas praticas na Ordenha;

- Assessoria e prestação de serviço veterinário nas propriedades;

- Cirurgia bovina;

- Clínica médica de ruminantes e não ruminantes;

- Manejo geral de animais de produção;

- Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural;

- Parceria com Emater viabiliza assistência técnica, projetos para linhas de crédito e inscrição na DAP.

 

Funções da Secretaria Municipal de Agricultura

A Secretaria da Agricultura tem a função de planejar, desenvolver e executar a política municipal de fomento a agricultura e a pecuária local, seguindo uma gestão de qualidade na produção.

Para concretizar os diversos programas na área rural, são realizadas parcerias com entidades como: Emater e SENAR. O objetivo é oferecer ao produtor, conhecimento e tecnologias para desenvolver a sua propriedade, por meio da qualificação da gestão e dos equipamentos. Exemplo disso é o Programa de Qualificação e Desenvolvimento Rural e Setor Primário desenvolvido pelo SENAR e totalmente subsidiado pela Secretaria que viabilizou a realização de 14 cursos de gastronomia para 420 produtoras rurais, em 2015.

O setor primário de Pinto Bandeira destaca-se pela presença marcante da atividade agrícola. A evolução da agricultura está vinculada a produtos típicos de fruticultura, como pêssego, uva, maça, caqui e ameixa.

Atualmente o município possui 723 produtores rurais regularizados através do talão do trabalhador rural, que desenvolvem a atividade primária, que é a principal fonte de arrecadação de Pinto Bandeira. Para tanto, foram criadas leis de incentivo como a que regulamentou o uso de horas/máquinas da prefeitura pelos agricultores, que pagam 20% do valor do serviço ou 40% – no caso do uso de máquinas terceirizadas.

O Programa de Aquicultura disponibiliza aos produtores alevinos com 50% do valor subsidiado pela Prefeitura. Através de verbas parlamentares foram adquiridos um trator de esteira e retroescavadeira hidráulica. Para a Patrulha Agrícola a Prefeitura disponibiliza uma retroescavadeira e um trator. 

Ações implantadas entre 2013/2016

-Horas-máquina com subsidiado de 80%: 11.650 horas/ 489 famílias beneficiadas;

- Horas-máquina com subsidiado de 60%: 5.771 horas/ 652 famílias beneficiadas;

- Britas fornecida: 3.746 toneladas/ 542 famílias beneficiadas;

- Instalação de tubos de concreto: 2.096 unidades;

- Alevinos: 34.200 espécies distribuídas / 114 famílias favorecidas;

- Atendimentos Veterinário a campo: 704 atendimentos;

- 23 cursos de qualificação em parceria a com do SENAR na área de gastronomia, beneficiando 624 mulheres na zona rural;

- 10 Cursos de Inclusão Digital beneficiando 65 pessoas.

Máquinas e implementos

- Retroescavadeira

- Trator Agrícola

- Perfurador com três brocas

-  Arado reversível de três discos

- Grade

- Dois enleiradores (rastel)

- Caminhão

- Arado de grampos

Contato

Rua Sete de Setembro, 689

Fone: (54) 3452-0185

agricultura@pintobandeira.rs.gov.br